2-O-estagio-do-e-Learning-nas-organizacoes-brasileiras-p2001

O estágio do e-Learning nas organizações brasileiras


Qual o estágio atual do e-Learning nas organizações brasileiras? Para tentar responder esta pergunta, o portal e-Learning Brasil pesquisou durante o período de 10 de Outubro a 13 de Novembro, algumas características dos projetos de e-Learning no país.




Dentre todos os participantes da pesquisa, cerca de 21% afirmou estar diretamente ligado à Alta Gerência de suas organizações e outros 16% mais especificamente à área de educação. Veja abaixo o perfil dos participantes:


Área de Atuação do Participante da Pesquisa

 


Nota-se nos resultados acima um envolvimento considerável de profissionais diretamente ligados à alta-gerência de suas organizações. Isto pode ser explicado pelo fato de o e-Learning já ser visto como parte da estratégia de negócios de diversas organizações, com o objetivo de garantir vantagens competitivas, seja no mercado corporativo, seja no mercado educacional.

Veja que 16% correspondem a profissionais ligados ao setor de educação, outros 15% de profissionais de TI e logo em seguida estão os profissionais de treinamento com 14%.

Quando analisamos o setor de atuação das organizações participantes, também podemos notar uma predominância de interesse no e-Learning por parte de instituições educacionais, empresas de tecnologia e bancos, além é claro de empresas fornecedoras de soluções para o e-Learning. Confira o perfil através do gráfico abaixo:


Setor de Atuação da Organização

 

Outra informação interessante da pesquisa, é que quase 60% dos participantes pertencem a organizações que possuem menos de 100 ou mais de 5000 funcionários. Veja a distribuição abaixo:

Tamanho da Organização em Número de Funcionários

 


Para compreender melhor o interesse das organizações pelo e-Learning, o e-Learning Brasil perguntou em qual ou quais departamentos da organização surgiu o interesse pelo tema. Curiosamente, 40% afirmaram que este interesse surgiu através da própria alta-gerência de suas organizações. Em segundo lugar ficou o departamento de treinamento com 25%. Veja abaixo os resultados:


Departamento em que surgiu o interesse pelo e-Learning

 

De acordo com a pesquisa, a maioria dos projetos mencionados ou estão em fase inicial de estudos ou já foram implantados. Veja abaixo o perfil levantado a partir dos resultados obtidos:


Estágio do projeto de e-Learning

 

E qual o nível de envolvimento dos participantes da pesquisa nos projetos? Cerca de 35% dos participantes afirmaram ser os responsáveis diretos pelo projeto de e-Learning em suas organizações. Do total de participantes, 62% afirmou que existe uma pessoa responsável pelo projeto de e-Learning em suas organizações, outros 17% disseram que existe uma equipe interdepartamental responsável e outros 20% que ainda não existe nenhum responsável.

Compartilhe

Categorias

Assine a nossa newsletter

Fique por dentro dos principais temas em gestão, aprendizado e tecnologia do mercado!

Você também pode gostar