1-Estagio-do-e-Learning-nas-Organizacoes-Brasileiras-p2003

Estágio do e-Learning nas Organizações Brasileiras



Este mês o Portal e-Learning Brasil está apresentando os resultados da pesquisa a respeito dos Estágios do e-Learning nas Organizações Brasileiras, que foi realizada nos meses de novembro e dezembro de 2003, assim como os comentários em relação aos resultados das pesquisas sobre o mesmo tema, realizadas em novembro de 2001 e novembro 2002.

O Interesse pelo e-Learning nas Organizações começa na Alta-Gerência

Em 2003, o interesse pelo e-Learning para 61% das Organizações ocorreu a partir da alta-gerência e das áreas de Treinamento e Recursos Humanos, enquanto que em 2002 correspondiam a 68%, e em 2001 a 46%.

No meio acadêmico, em 12% dos casos, a iniciativa de e-Learning surge em departamentos responsáveis exclusivamente por educação a distância. Nos outros 5%, o interesse surge a partir da própria pró-reitoria da instituição.


O Estágio dos Projetos de e-Learning

Os resultados da pesquisa de 2003 demonstram que 34% das Organizações estão na Fase Inicial de estudos sobre o e-Learning, enquanto que 29% delas já tem seus projetos implantados. Nos anos anteriores os resultados foram praticamente os mesmos, com pequenas variações.

Confira abaixo, um comparativo entre os resultados obtidos em 2001, 2002 e 2003.

 

Quem se envolve no projeto?

Diferente de 2002, a área de Tecnologia da Informação aparece este ano em primeiro lugar, como a área que mais se envolve nos projetos (18%). Em segundo lugar aparece a área de Treinamento (16%), e tecnicamente empatados, a Alta-gerência e a área de Educação a Distância (15%). Confira abaixo estes resultados.

Estes resultados mostram que a participação da Alta-Gerência, área de Treinamento e Tecnologia da Informação estão cada vez maiores nos projetos de e-Learning, demonstrando o grau de importância e responsabilidade do projeto.


Sudeste: a região mais atendida.

A pesquisa procurou identificar quais regiões são atendidas pelo projeto de e-Learning de cada organização participante. A região com maior percentual de alunos atendidos nos projetos é a Sudeste, com 31%; respectivamente, a região Sul (20%), Nordeste (18%), Centro-Oeste (17%) e Norte (13%). Veja o gráfico abaixo.


A pesquisa identificou que na maioria dos projetos de e-Learning (51%), menos de 100 pessoas são atendidas mensalmente. Confira abaixo os resultados.


Cursos oferecidos através do e-Learning

Atualmente, 62% das organizações possuem menos de 5 cursos on-line sendo oferecidos aos colaboradores, parceiros ou fornecedores.

O comparativo entre 2002 e 2003 demonstra que houve aumento de 4% entre as empresas que oferecem mais de 50 cursos através do e-Learning (16% em 2003 e 12% em 2002). Confira estes resultados:

A pesquisa identificou que em 56% dos casos, a equipe de profissionais responsáveis pelo e-Learning é composta por até 5 pessoas, conforme podemos verificar no gráfico abaixo:

Perfil dos Participantes


A pesquisa consultou 118 organizações brasileiras, nos setores de educação (20%), tecnologia (12%), e-learning (9%), governo (5%), treinamento (1%), entre outras. Confira abaixo a relação dos setores participantes:

 


Compartilhe

Categorias

Assine a nossa newsletter

Fique por dentro dos principais temas em gestão, aprendizado e tecnologia do mercado!

Você também pode gostar